domingo, 27 de dezembro de 2009

Qual foi a última vez que você fez algo pela primeira vez?




A brincadeira vai começar!

Gael fará 7 meses daqui a alguns dias. Na real, será bem na virada e estaremos todos juntos, esperando o badalar da zero horas.

Emocionante, pois é a primeira na minha vida que passo o Ano Novo com o meu filho. E sempre me pergunto "Qual foi a últimas vez que fiz algo pela primeira vez?". Pois então, com o Gael, estou vivendo coisas pela primeira vez com muita frequencia, e por isso, considero esta fase da minha visa um tanto emocionante.

A última foi o fato dele estar sentando e se firmando! Então, pela primeira fez dei banho nele sem que ele ficasse escorregando, pela primeira vez ele tombou por eu acreditar que poderia deixá-lo alguns segundos ali, tempo para virar e pegar o cotonete (Calma, não foi nada de mais, ele caiu da cadeirinha de balanço que fica quase rente ao chão, mas foi um susto para ele, imagino --- e para mim, uma lição, com impacto menos traumatico, "Nunca mais deixo-o só, pois ele pode, e vai, se meter em encrenca").

Já estou esperando a próxima "Primeira vez" que ele vai me proporcionar!!!!

Super Egg

domingo, 20 de dezembro de 2009

No Ovo - Camisetas bacanas e criativas!!!



Uma amiga-por-osmoze, recém-futura-mamãe, lançou uma marca infantil - No Ovo - e está produzindo camisetas classificadas por números, esta da zebra é a número 1.

Vale conferir no blog www.no-ovo.blogspot.com

Dica Super Egg!!

sexta-feira, 18 de dezembro de 2009

Não Filhooo ... não dá para começar com uma caloi???




Nosso Gael está crescendo rápido! Já sabe expressar suas vontades, já não se contenta em ficar deitadinho observando (nem sentado, quer ficar em pé), já está fissurado em controles e coisas com botões ... ai ai ai, já estou vendo, quando menos eu esperar, meu menino, estará um meninão!! Mas mesmo grande, barbado, será sempre esta imagem que eu verei.

Super Egg

quarta-feira, 2 de dezembro de 2009

O tal BUMBO, impossível de adquirir



A primeira vez que vi o tal BUMBO, foi no Blog Nhoc, achei aquilo maravilhoso, principalmente para a fase em que o baby fica super irritado de ficar deitado de frente, de costas, não quer ficar no colo ... resuminho, ficar sentado, no meio dos brinquedos, olhando tudo em outro ângulo.

Então ao ver o BUMBO da Nhoc, quis ter um pro Gael. Sonhava com o dia que ele ia poder ficar mais firme, sentado, no seu bumbo, azul ou verde.

O único lugar que vende, oficialmente, que importa e vende o troço, é a ECOBABY e lá não tem mais, e faz meses que passo lá e sempre vai chegar no mês que vem, e nunca chega. Ah sim, com o preço de R$221 mangos contra US$45 na Amazon. (Se tiver um amigo vindo dos EUA, afim de carregar um volume, digamos que "volumoso", pede um pra mim).

Estes dias passei na BB Trends. Imaginei que uma loja cheia de coisas tão legais, Trend, tivesse que ter o tal BUMBO. Cheguei lá e pergunte "Você tem o BUMBO?" - resposta - "Bumbo!! O que é isso??" ... que frustração.

O Gael está crescendo, ficando mais firme a cada dia e eu não terei meu BUMBO (O BUMBO é para crianças até 13Kg e o Gael já está com 8,5kg)

Agatha bumbando o bumbo

Seis meses com o pequeno príncipe




Tem sido simplesmente maravilhoso!

Cada momento com ele é uma historinha nossa e cada descoberta dele é um redescoberta nossa.

Quando ele fez careta para comer sua primeira frutinha, fiquei pensando como foi quando eu comi minha primeira frutinha, sai correndo para ligar para a mãe e perguntar e se descobrir novamente.

Descobrir uma fase de sua vida que até então passou distante. E por que? Porque queremos distancia do passado que não lembramos? Por que será? Será a preguiça de ouvir nossos pais falar de nós mesmos? Não sei por que não perguntei sobre isso antes. Mas que bom que para mim ainda não é tarde, e lá sigo eu descobrindo no dia-a-dia do Gael, o meu dia-a-dia quando pequenina.

Hoje ele tomou sua primeira água da vida, estranhou. Mas estranhou o que? O Não sabor? O liquido que não tem gosto do leite? Achei interessante. E preciso perguntar para a minha mãe como foi na minha vez. Só que agora é tarde ... umf ... o ontem só amanhã.

Agatha (a super egg - prazer)

domingo, 22 de novembro de 2009

Família ... Saudades

Muita gente para apresentar o filhote, ai ai ... quando paro pra pensar sempre acho alguém que ainda não o conhece.

Neste domingo, pegamos o Gael e fomos até Maomé, pois é, levamos Gael para conhecer a parte da familia por parte de minha mãe. Todos, moradores de Santana, bairro onde passei parte da minha infância (e dramas da adolescencia).

Muito esperta fui a casa da matriarca da Familia, a tia Rita. É nesta casa que tenho grandes chances de encontrar boa parte da familia. É daquelas casas que não é preciso avisar, é só chegar, o cafézinho está sempre fresco. E batata, lá estavam primos e sobrinhos-primos para conhecer e para conhecerem Gael.

Fiquei pensando ... pensando na estrutura familiar, sempre tive acesso a esta familia, sempre foi assim, casa da tia Rita, café fesco, chegar sem avisar, porta sempre aberta. Hoje em dia é meio dificil ter isso não é? Que triste!

Super Egg

quarta-feira, 18 de novembro de 2009

O Resgate de mim mesma




Acho que estou enlouquecendo. Acho que estou ficando neurótica. E o pior de tudo, acho que estou perdendo o senso de humor, de liberdade e a idéia de ter um vida easy going.

Percebo que todo aquele discurso que tinha antes de ter um filho, de que quando o tivesse não seria neurótica, seria sossegada, tranquila, aquela que se a chupeta caisse no chão iria bater na roupa e tudo bem, o que são umas bactérinhas perto de tantas outras que enfrentaríamos, ou conviveríamos, no decorrer da vida ... pois é, esta pessoa está momentanemente de férias, não, não, esta em período sabático em algum lugar perdido das entranhas emaranhadas do meu ser ... e para o meu desespero, e de todos ao meu redor, não tem data para voltar. Pelo jeito se eu não for buscá-la, pois gosto muito dela.

Esta aqui que estou me tornando é séria demais, preocupada demais, chata demais ... é isso eu não quero ser, uma mãe chata, exagerada em tudo.

Só eu faço perfeito, só eu cuido bem, só eu sei das coisas (ah sim, e o pediatra, que só eu poderia ter escolhido um tão bom), só eu!! Que horror, preciso me salvar desta personalidade que tomou conta de mim, rápido.

Mas é incrível, pensando friamente, mudamos mesmo, naturalmente, em prol da sobrevivência de nossa continuidade.

De qualquer forma, estou pensando em voltar para terapia, mas me ajudar a não afogar meu filho, nosso filho!!

Super Egg

sábado, 7 de novembro de 2009

Disputa para ver o Gael acordando






Aqui em casa esta situação está engraçada. Nós, Fabio e eu, que nunca fomos de acordar cedo, principalmente porque, em sua maioria, ficamos acordados até tarde nas noites anteriores, estamos competindo quem pula antes da cama, ultrapassa o outro, passa pela baba, deixando esta também para trás e por fim ser o primeiro a ter o sorriso de Gael ao amanhecer.


Pois é, nosso pequeno príncipe acorda de muito bom humor (que continue assim). O dia começa com a conversinha ABUUABBBAAA, depois, a piada deve ser muito boam pois ele engata numa sequência de risadinhas e gargalhadinhas! Tudo isso lá no berço, sozinho com seus brinquedos e paninhos.

Percebi que a pessoa agraciada pelo primeiro sorriso matinal do príncipe Gael tem seu melhor dia da vida, e isso vicia, então, todos seus suditos, nós, nos debatemos para ser abençoado por ele e ter um excelente dia. Imaginou um dia todo colorido nesta cinza São Paulo, pois é assim que o dia fica (Isso pode até virar uma história infantil, hein)


Super Egg

segunda-feira, 2 de novembro de 2009

Entrou na frutinha




Hehehe ... deve ser uma sensação maluca. Até hoje ele só conhecia o líquido, através do leite (seja ele o materno ou o de fórmula), então surge uma profusão de sabores e texturas.

A primeira frutinha foi a pêra, seguida da maça, mamão, banana, laranja-lima e hoje, o abacate. E com as frutinhas e as caretinhas, vem acompanhando as reações, prende ou solta o metabolismo. Agora, ele, mesmo na careta, come uma gororobinha com todas elas.

Engraçada a situação, eu, por exemplo, que acho banana a melhor fruta do mundo, uma delícia em todos os sentidos e formas, após uma sessão de caretas, de joga fora, coloca de volta, desisti e neutralizei minha imagem pré-concebida da banana e tentar sentir seu sabor, como se fosse a primeira vez e que eu não soubesse que fruta era. Realmente, dá para fazer algumas caretas e até não gostar dela. Ela não é doce, tem uma amarguinho bem no fundo. E reparei que quase todas as frutas tem sabores característicos que podem realmente não agradar.

Mas, não quero uma criança que não tenha o habito de comer coisas orgânicas, naturais, como frutas, legumes e verduras!

É muito fácil desistir, seu filhinho ali, fazendo careta, mas não faça isso, não tente amenizar esta etapa disfarçando o sabor com gotas de mel ... pense que é uma fase, que temos que tentar diminuir o trauma, criando brincadeiras, fazendo este momento ser o mais agradável possível.

No próximos mês será a fase dos creminhos e sopinhas.

Super Ergg

Quinto mês do nosso pequeno Príncipe




Nosso pequeno príncipe completou cinco meses! E são cinco meses de alegria crescente, euforia histérica de "Ahhh" "Que lindo" "Que fofo" "AAAAh". Pois é, ele é tudo isso e muito mais, é o sol de nossa vida, nosso pequeno mundinho, nosso tudo! Desejo a ele que sua vida seja acima de tudo de muita felicidade, na maioria dela, muitas coisas boas, muitas realizações, muitas descobertas, muito tudo e pouco nada!

Hoje, minha mãe (uma das avós) me pediu encarecidamente para que adote uma religião, que seja através do budista, pois eu como mãe dele tenho a missão de unir todas as forças possíveis para sua proteção. Estou pensando seriamente nisso.

Super Egg

sábado, 17 de outubro de 2009

Resumo de duas semanas de trabalho




A vida começa a entrar em um novo eixo, uma nova rotina.

Acordo mais cedo do que o normal, pois quero ficar um pouco com ele antes de sair, depois que a baba chega, entrego ele aos cuidados dela, tomamos o café da manhã (esta atividade também faz parte da nova rotina) e saimos para trabalhar.

O trabalho segue bem, um projeto meio complicado, mas, é por isso que tenho um certo valor no meu meio, sei lidar muito bem com projetos desta natureza! As pessoas com que trabalho, fora problemas normais do comportamento humano, seguem numa boa, também sem grandes dramas.

A única parte ruim, mas sempre foi assim, é o almoço, todo mundo quer sair junto, então fico esperando todo mundo, depois a escolha dificil, um grupo onde ha homens e mulheres esta é uma tarefa difícil, então, no final, dividimos o grupo e cada um para o seu canto, ou restarante de preferência.

"Largo" do "Selviço" lá pelas 19h e .... não ainda não vou para casa, apesar de meu coração (e mama) estarem morrendo de saudades. Vou para a facul e la fico até umas 22:30h.

Quando chego em casa, umas 23h, o filhindo esta dormindo, que triste, mas, para a minha surpresa, ele começou a acordar ao escutar minha voz, que felicidade a minha.

Felicidade que, uma hora depois, dá lugar ao cansaço porque o guri acorda, não só para me dar boa noite e beijinho, não, não, ele acorda para agitar, mega pilhado, e não quer dormir de forma alguma.

Mas, é assim né?! Fico mais feliz do que cansada, então já estou na vantagem

Super Egg

quinta-feira, 8 de outubro de 2009

Aprendendo a se virar




Periiiiigo ... Gael começou a aprender a se virar.

Eu fico com medo da minha costumeira falta de atenção e de agilidade. Nunca fui uma pessoa muito agil nos movimentos. Como sempre dizia quando, ainda pequena, me chamavam de lerda "Meus movimentos não acompanham minha agilidade no pensar!". Pois é, com isso, fico tentando não perder a atenção, pensando!

Super Egg

Gael - O foguetinho do Lar




Nosso belo-fofo-maravilhoso filho está um espoletinha,

Todos os dias de manhã, somos acordados com risadinhas gostosas ecoando no audio das babas eletronicas espalhadas pela casa. Uma delícia! Um prazer que nunca pensei em ter ao acordar CEDO. Mas na primeira risadinha, eu desperto e fico um pouco lá deitada escutando mais. Depois de um tempinho, me levanto e vou até seu berço ... mas que delicia ... logo na porta já vejo o sorriso de bocão dele!!

Eita vontade de ficar o dia inteiro lá, admirando nossa obra-prima!!!

Super Apaixonada Egg

sábado, 3 de outubro de 2009

Fernando, seja bem vindo ao mundo e a vida




Nossos compadres acabarem de dar a luz ao piquerucho Fernando.

O compadre pai-palmeirense não acredita muito nesta coisa de signo, coincidências e blá blá blá.

Pensem comigo: Eu, geminiana, casei com Babbo-corinthiano Fabio, libriano, certo?! Pegaram?! E nosso pequeno Gael nasceu no dia 01 de junho, gemiano também. Já do lado de lá, o compadre, geminiano, casado com a comadre, libriana, pais do Fernando, nascido no dia DOIS de outubro, por consequencia, um libriano.

Ainda fui longe nas possibilidades de coincidencias, se o nosso filho se tornasse um palmeirense e o filho dele, um corinthiano!!

Mistéééério!!

Super Egg

Quarto mês de Gael

O Babbo, nesta semana, me fez uma pergunta cuja resposta resume, por cima, cada minutinho que vivemos com Gael. Ele me perguntou se agora eu sabendo o que é ser mãe se me arrempenderia no caso de ter optado em não ter filhos.

Minha resposta: Absolutamente!

Ser mãe, para a mulher, é atingir a plenitude acima de tudo e todo o resto!

Super Egg

terça-feira, 29 de setembro de 2009

Está chegando a hora ... Nãããoo me separem dele!!

Pois é, estou contando os dias, a partir de amanhã serão 5 dias para voltar a trabalhar e, não ter mais a oportunidade de ver o pimpolho a hora que eu quisesse, a hora que ele quisesse, ficar olhando ele tirar a soneca da tarde, estar lá toda vez que ele acordar, ver o sorrisinho dele e as perninhas saltidando ... que triste esta sensação de afastamento!

Eu sei que é necessário, principalmente para mim, para ele, para o casal, mas, já estou com saudades .. e com um pouco de ciumes, também, da babá, que ficará sempre com ele, descobrindo as coisas, vendo seu desenvolvimento segundo a segundo! Ai ai ...

Vamos ver no que dá!! Vou contando aqui ... por enquanto, vou lá, dá mais uma olhadinha nele, dormindo, sonhando.

Super Egg

segunda-feira, 28 de setembro de 2009

O corte do segundo cordão se aproxima

Ai ai ai, está chegando a hora!!

Daqui a 7 dias volto a trabalhar, que dor e ainda bem. Uma mistura de emoções, deixar a cria, daqui a 7 dias não terei mais o tempo todo com ele, serão fragmentos do meu tempo, ele fará coisas que a babá será a primeira a ver, a presenciar ... que inveja da babá!

Hoje comecei a entrar no ritmo pré incio do trabalho. Acordamos cedo, mamazinho, arrumei a mesa do café, mamadeirinha, todos tomamos café da manhã juntos, a babá chegou, arrumou o quarto dele, que já estava com manha do soninho da manhã. Agora ele está lá, dormindo bonitinho, aninhado .... é, ele está com uma mania de berço, começa a choramingar, aconchego ele no colo, choraminga, até que deito ele, com o panino e a pepe, ele já se acalma, fecha os olhinhos e pronto ... sonequinha gostosa

O que fazer agora, minha última semana, estou entre sair e fazer coisas que não faria normalmente, como ir na José Paulino comprar vestidos para o meu atual número ou se fico aqui navegando, lendo e esperando o momento em que ele faça um barulhinho só e eu vá correndo ficar com ele, mais um pouquinho!! Minutos preciosos!!

Bem, dizem que será melhor para mim pois estou muito fissurada nele, em um estado de paixão cega, vontade de ficar lá, olhando para ele até quando está dormindo. Coisa louca.

Já estou com saudades dele!!!

Super Egg

quarta-feira, 23 de setembro de 2009

Preocupação antecipada!

Gael adora conversar, principalmente quando o Babbo que saber como anda a Minusculandia, mundo do minúsculo, o Gael! É Aboo pra cá, Aboo pra lá, Dááá, Éééé e gritinhos, muitos gritinhos, cada vez mais altos. Acho todos muito fofos. Até o chorinho (e o chorão) é fofo. Acho tudo lindo, fofo, cute.

Até o "totô" dele, que começa a ficar tamanho, quantidade e cheiro muito maiúsculos, é lindo e fofo.

Daqui a alguns dias ele completará 4 meses, e seguindo o único conselho que realmente estou levando a risca que é o de aproveitar esta fase que passa logo, estou aproveitando, então dou uns abraços bem longos, passando as mãos nele todo, de olhos fechado tentando ao máximo memorizar aquela sensação, o tato, o cheiro, tudo, tudo. E quando faço isso, tenho a certeza de que terei muitas saudades destes momentos, onde o que recebo dele é a pureza do ser, a inocência. E faço isso todos os dias, todos os momentos que estou perto, ele chorando ou rindo. É muito bom!

Conversando com minhas amigas-mães, cujas crias já passam da marca 0.1 (1 ano), já percebo que elas começaram a ter contato com o ser humaninho, agora menos inocente, e com isso, começam a sentir que as coisas mudaram e é agora que os filhos precisam entender o lugar de cada um na matilha familiar. Uma delas está sendo repudiada pela filhinha de 1 ano, que a agride em certos momentos se vira abraça o pai e não olha mais para a mãe, a outra amiga, tem concorrência com a baba. Imagina seu filho acordando a noite aos pranto chamando pela "Eliete". Vou querer morrer (ou acabar com a babá).

Escutando os dramas das amigas (e já antecipando: Qual será o meu?) me levo a um estagio reflexivo: Como eu era quando filha? Como minha mãe se portava conosco? Quem era minha mãe? Quais foram as consequências de determinados atos dela em meu perfil atual? O que foi bom, ou não, na criação dela para o nosso desenvolvimento? Chegar a uma conclusão sobre estes fatos, atos e suas consequências será bastante útil no processo com o Gael!!

Sei que será impossível não errar, mas quero saber como passar os valores de forma leve e eficaz!

Super Egg

segunda-feira, 14 de setembro de 2009

As novidades diárias!!!

Gael nos surpreende todos os dias, não só pela rápida evolução de seu corpo quanto as gracinhas gutchi gutchi dele.

Um dia desses acordei escutando ele numa reclamação, mesmo que em um tom calmo, era uma reclamação, dei risada do meu quarto só de pensar no que poderia ser aquilo, fui até o quarto dele e lá estava ele, de cabeça para baixo no berço, a cabeça no lugar oposto ao que eu tinha deixado ele, mas de tanto se mexer ele ficou com a cabecinha meio torta encostada na parte debaixo do berço. Eu o arrumei achando aquilo tudo engraçado.

Outra fofura, são os barulhinhos, Abuuu, Guemmm, Buuuu, AAaahh e o sorrizinho com direito a barulho de breque seco, aiii, que delícia.

Outro dia enfiou a mão quase inteira na boca e desde então ele deve achar aquilo muito gostoso pois a mão vai sempre para a boca. Apesar de achar engraçcadinho fico preocupada que ele ache o dedão gostoso por mais tempo. Ele ainda não descobriu o dedão!!

A última gracinha foi ele pegar nos pé com as mãozinha em um movimento elasticos, mas foi só uma vez e não consigo provar que isso aconteceu, pois ele não fez mais isso!!

Super Egg Agatha

Que susto!! Não era gripe suina!

Na semana passada levamos um sustinho (na real?! Um baita susto monstro), no domingo retrasado, Gael anoiteceu com febre, ficou molenguinha, só queria saber de ficar dormindo, nem mamar o pequeno se interessava!! Ai que angústia. Tentei manter-me muito calma, pelo menos aparentemente, porque por dentro a coisa estava séria!

No dia anterior, sábado, levamos ele para tomar a Meningo, mudamos o banho dele para o banheiro e resolvi parar de dar banho separado de cabeça e corpo, o tempo deu uma virada e demos um baita volta com ele de carrinho com direito a café da manhã na padoca. Exato, Tudoaomesmotempoagora! Então ficamos sem saber o que realmente causou o mal estar.

Inicialmente ele começou com uma coriza, uma tossinha, o que descarecterizou ser uma reação à vacina. No domingo a febre foi a 38,2 graus, assustados ligamos para o tio pediatra, que nos acalmou bastante. Ainda não era para levarmos ao pronto-socorro - alás, tenho pavor desta palavra até quando se dirige a adultos, imagina crianças e então bebês!!

No final, a febre do Gael foi embora em pouco tempo, muito antes de terminar o prazo que o Pediatra nos passou de observação .. ufa, ainda bem, pois levá-lo ao pronto socorro tão pequeninho era de arrancar os cabelos.

Agora, alguns muitos dias depois, ele está com uma congestão nasal e uma tossinha (que eu até acho charmozinha -- hehehe) que dá dó!!

Bem, primeiro resfriado! Não estou gostando muito desta experiências pois estou sentindo por ele, em um grau mais exagerado, normal das mães. Então quando ele tosse, três tossinhas de nada (sempre três), eu sinto como se o meu pulmão estivesse saindo de mim, quando seu narizinho esta apenas arranhando, eu sinto como se eu estivesse sem ar ... agora eu entendo as mães e seus exageros, agora sim eu as respeito muito, e me arrependo de todos "Ai mãe, me deixa!!". Hehehe

Só sendo mãe para entender a própria natureza!

Super Egg-Atchim

quarta-feira, 2 de setembro de 2009

Três meses de Gael !!!




Gael completa agora três meses!! Ai ufa, pelo o que entendi a época das cólicas, ou chance de te-las, termina agora. Viva, viva!!

Incrível que bastou ele completar os três meses que já fez coisas novas, um novo tipo de choro surgiu (Aquele de não querer dormir na hora de dormir e ficar lutando contra o sono, tinha me esquecido desta artimanha infantil), uma nova risada (surge agora com um barulhinho fofo), aumento na comunicação (além do Abuuu, surgiram novas fonéticas) e, que fofo, a primeira tentativa de virar.

Que orgulho!

Final de semana recebeu visitas do tio Dú, da tia Dani, da tia Paula e dos tios Lavi e Naninha. Ontem recebeu a visita da vovó Marta que trouxe seu edredom, fechando o seu kit (Aliás, o trabalho da vovó é lindo). Os vovos litorâneos ligaram para ter dar um beijo. E por aí seguimos!!

Parabéns filhote!!

Super Egg

quarta-feira, 19 de agosto de 2009

Cólicas!? Ter ou não Ter!



Quando estávamos planejando ter o Gael, pensando em todo processo, calculando todos os fatores, não tínhamos nada mais que nos arrepiava do que a fase das tais cólicas. Tudo que nos vinha a mente foi o dia que passamos com minha sobrinha em casa e ela teve um ataque de cólicas!! Confesso que foi desanimador ... porem, estamos aqui com o Gael!!

E as tais cólicas, no nosso caso, não foram tão pesadas como a maioria comenta (Conselho, melhor não escutar este tipo de coisa, cada caso será um caso individual). Muito pelo contrario, exceto por alguns momentos poucos, os demais foram bem tranquilos. Ele chora mais de fome do que de cólica - o guri é um glutão!

Não sei se é porque lançamos mão de algumas leis da contemporaneidade, tais como, "meu filho não vai tomar nada de remédio!" e preferimos dar algum medicamento do que vê-lo sofrer sem necessidade e também fazer de nossa paternidade um momento o mais agradável possível para todos.

Todos os dias, após o banho, junto com a vitamina, damos as gotinhas de Luftal, fazemos massagens do tipo Shantala, colocamos SALSESP para descongestionar as vias nasais. A pouco tempo começamos a pincelar a chupeta na tal funchicoria, que ele adora!

Para os momentos de cólica, fazemos massagem com as perninhas, compressa quente na barriguinha, colocamos em posição de barriga no colo! Ah sim, tem que ter muita paciência e serenidade, pois eles sentem que estamos nervosos e acaba piorando tudo!! Importante, toda vez que ele termina de mamar, esperamos ele arrotar.

Caso, nada de certo, amamentar sempre é o melhor calmante!

São medidas que estão nos ajudando muito!

Super Egg

segunda-feira, 17 de agosto de 2009

My Baby, icons, itens list (By USA)




Vamos lá, a pedido, resolvi fazer uma lista dos itens que acredito serem úteis e estão me ajudando muito fazendo minha vida mais fácil. Lógico, tivemos a oportunidade de trazer todos os itens dos EUA. Vale a pena!


1. Um bom Stroller (no final deste email tem descrição sobre Strollers)
2. Bebe Conforto (Compatível com seu Stroller)
3. Baba eletronica (O modelo vai de acordo com a neurose dos pais, e poder de investimento)
4. Bouncer
5. Creme Lansinoh para cuidado com as mamas
6. Creme A+D para assaduras
7. Sacos para jogar fralda e compartimento
8. Para segurança do bebe na casa
9. Kit de limpeza e cuidados - Este Kit eh must to have!
10. Sacos de Esterilizar - Muito pratico
11. Pote para limpeza de chupetas
12. Chupeta para massagear a gengiva
13. Compartimento para carregar a Chupeta

14. Pacifiers/Chupetas: Percebemos que os modelos ideias para a fase Newborn são aquelas que não tem a base grande, cobrindo apenas as laterais da boca. Não que as chupetas não sejam, hoje em dia, seguras e atendam as prescrições de segurança. E uma situação psicológica confortável para os pais, alem das chupetas pequeninas serem mais leves trazem um conforto para os pais pois parecem que as grandes sufocam os filhos. Atualmente, as chupeta não são tão vista como vilas, pois os novos modelos já seguem um outro padrão de design que prejudicam menos que os modelos antigos. E por outro lado, servem, enquanto pequenos, como excelente tranquilizantes para os bebes e para os pais.

- Modelo Newborn:
- Modelo Maiores e varias fases:

15. Mamadeiras e acessórios

16. Bicos de silicone: São excelentes e me salvaram a vida, eu tenho dois mas prefiro o modelo "meia-lua"

17. Absorvente de mama: São úteis para que tem muito leite
18. Relaxante Bico: Este item me ajudou quando meus bicos estavam machucados

19. Maquina para tirar leite: Nos achamos este modelo que não é tão caro, não é um trambolho e funciona bem. Mesmo que não saiba se vai usar ou não é bom aproveitar e comprar nos EUA pois aqui são muito caros e existem poucos modelos

20. Saquinhos para armazenagem

21. Dispensers: Potinhos são sempre úteis, se tiver lugar sobrando na mala traga vários para varias fases


22. Banheira. Não traga banheiras de fora se não puder trazer todos os acessórios dela. Nos compramos um modelo super bacana e não podemos usa-lo pois o suporte que tem disponível aqui no Brasil é da Burigotto e parece que só serve para a banheira da Burigotto. Esta aqui eh um item que me falaram bem, a banheira inflável.

23. Amiguinhos do banho

24. Esterilizador e esquenta mamadeira

25. Tapete de diversões: Agora com o Gael com 2 meses, esta começando a ser útil, ele fica entretido com os brinquedinhos e barulhinhos, tentando pegá-los e observando tudo

26. Mobile - outro item que tem me ajudado bastante

Super Egg

Primeira noitada sem Gael. Sim, é possível!





Retornamos!!

O Gael acabou de completar 2,5 meses e já conseguimos definir alguns horário certos dele a sua rotina, sabemos em que momentos ele dorme mais e se consegue se manter assim por algumas horas.

Não quero cantar de galo logo cedo mas é impossível não mencionar que ele tem dormido muito a noite. Mama umas 23h, tempo livre, se ficar com fome, o complemento foi receitado, da mamada sai dormindo e, estando tudo bem, acorda uma vez perto das 5 horas da manha e segue ate umas 8 horas. Maravilha!

Baseado nesta segurança, sábado a noite, por um bom motivo, aniversario de um bom amigo, resolvemos deixa-lo sob a guarda da avo (aqui em casa) e fomos dar uma voltinha. E confesso, foi ótimo para mim. Senti que a minha vida nao acabou com o nascimento dele, mas se complementou exponencialmente.

Super Egg

Tomando sol em casa!




Na correria da funções diárias junto com a desculpa do frio do inverno acabei me esquecendo de incluir os minutos de banho de sol na rotina diária.

Bem, com esta historia de gripe, estamos saindo só o necessário e para lugares que sabemos ter menos risco, mas, como ela esta no ar e com a expectativa já anunciada pelo governo de que pelo menos 90% da população pegara a tal gripe resolvemos que o banho de sol será em casa mesmo, no nosso quintalzinho.

Diariamente é necessário pelo menos 10 minutos de sol nos horário 10h ou 16h, não acho necessário que o baby saia para rua com a baba se tiver uma área onde bata sol direto e possa expor o corpo dele aos raios. Graças a nossa escolha, temos em nosso ape uma área aberta bem gostosa e ampla que em breve será mais confortável e virara realmente uma área para ele brincar.

Já providenciamos até um enorme quadro negro, pintando uma das parede com tinta especial. Espero que ele se contenha só com esta parede.

Super Egg

Conhecendo tia Nalu, tia Helo e a Oscar Freire





Finalmente, tia Nalu veio te conhecer!!

E foi uma delicia, uma tarde ensolarada, quentinha, um almoco na casa do Vozito com direito a seu primeiro role na Oscar Freire. Confesso que estava a maior muvuca e vc ficou irritado com tudo aquilo, resumindo nosso passeio a alguns quarteiroes sem direito a paradinha em algum cafezinho gostoso, mas, tudo bem, no geral foi tudo muito bom!!

Ah sim, Tia Helo também te conheceu.

Super Egg

quarta-feira, 12 de agosto de 2009

Primeiro dias dos Pais de Fabio e Gael by Super Egg




O primeiro dias dos pais de Fábio e Gael foi comemorado na maior harmonia familiar!

Todos nos reunimos na casa da tia Kaka - casa que estou elegendo como sendo a casa matriarcal da família do lado Mendes - com direito a presença memorável da adorável Bisa.

Eu não presencie uma parte deste evento pois aproveitei que a família estava toda la, vovó, vovô, bisa, tias, tia-avo e outras comadres, e o guri iria correr de colo em colo, para tirar o atraso e dormi ate o final do evento, parando apenas para as mamadas, para beber agua e por fim, comer o delicioso bacalhau da sogra!

Super Egg-Zzzzz

segunda-feira, 10 de agosto de 2009

Dicas de como usar o Sling

O link acima eh referente a um video que explica algumas formas de posicionar o bebe (newborn) dentro de um Sling

Super Egg

sexta-feira, 7 de agosto de 2009

A Culpa e a Maternidade andam juntas 1




Pois eh!

Uma noite destas, não, melhor, uma madrugada destas, estava com o Gael pendurado na mama, mamando, muito, não estava, como dizem, "chupetando", estava mamando mesmo, depois de quase duas horas, isso mesmo, duas horas, eu já não estava com a fartura de leite, afinal ele tinha sugado tudo, e ainda estava com fome ... e meio irritado, começou a tentar puxar o leite e como não vinha, começou o chororo.

Um chororo bem forte! Daqueles que da desespero e te faz sentir a pior mãe do século!

O que fazer, o garoto ainda tinha fome, e pelo jeito, muita fome. Pensei, pensei, e então tomei uma das primeira difíceis decisões de muitas que tomarei por ele. Preparei uma mamadeira com leite (NAN 1), lógico que tomando todos os cuidados possíveis e impensáveis, como as medidas certinhas, usar agua filtrada, fervida e esfriada na temperatura ambiente ... enquanto preparava, ele estava la, o choro, nos ouvidos, ecoando da casa, no prédio, no bairro, as três horas da manha.

Esta decisão foi tomada contra o que me foi indicado pelo pediatra (exclusividade de leite materno) mas foi instintivo, sabia que estava tomando uma decisão que naquele momento era a certa, saciar a fome de meu filho.

Mas no final, depois que ele mamou os 120 ml do leite, deixando um pouquinho quando se sentiu alimentado, e dormia tranquilamente, veio o sentimento de culpa ... e se ele não pegar mais o meu leite, e se ele passar muito mal, e se isso e se aquilo ... foi difícil me conformar naquela noite.

Super Egg

quarta-feira, 5 de agosto de 2009

Cuidado para nao super aquecer o Baby!




Mãe tem aquela mania de querer sempre aquecer o filho, não eh?

Sempre achei minha mãe exagerada, e realmente não me incomodava com minhas maos geladas, sintoma que carrego ate hoje, pois eh, se era exagero, não saberemos pois nao tive problemas em ser aquecida.

E agora, 36 anos depois, estou eu, fazendo a mesma coisa, tentando evitar que o Gael fique com as mãos frias, e como eh difícil, pois ele adora dormir com as mãos livres e fora da coberta, ao estilo "Mãos ao alto!". E hoje, recebi uma dica da nossa baba-enfermeira (eh conseguimos uma) de que os bebes podem ficar com as mãos frias e que tentar aquece-las muitas vezes nos levam a um super aquecimento do resto do corpo, causando calor excessivo e isso nao eh bom para o baby.

Então, agora me preocupo em manter a temperatura ideal para o corpo, sempre uma camada a mais do que aquela que estamos usando, e as mãos ... bem, vou tomar cuidado para que se não congele, mas se estiverem frias e ele estiver bem, que fiquem assim.

Super Egg

segunda-feira, 3 de agosto de 2009

Digam ao minúsculo que eu fico!





Ontem tomei uma decisão das mais difíceis nos últimos meses: viajar e ignorar todos os sinais da tal gripe, ou simplesmente colocar a segurança do minúsculo em primeiro plano?

Alguns podem dizer: mas você ainda pensou? Sim, pensei...mesmo porque, havia o outro tipo de segurança envolvida aqui - a financeira.

Bradei aos quatro cantos de que o vírus é invisível e de que não há lugar seguro para se estar no momento. E não há mesmo. O fato é que o meu raciocínio não segue mais a mesma lógica!

Tinha uma viagem a trabalho marcada para o México com saída ontem. Estou diretamente ligado a indústria de Turismo, combalida pelos revezes financeiros e pandêmicos da atualidade. Senti-me um embaixador da atividade, acreditando piamente que correria mais riscos aqui do que indo de encontro ao meu, literalmente, destino. Preparei tudo na véspera, comprei os tradicionais regalitos que sempre levo na bagagem para as pessoas queridas, comprei dólares, fiz as malas. Aí, me veio um amargo na boca.

Um dia antes, tia Kaka esteve em casa e tia Bia nem entrou- ela trabalha em um hospital que teve uma alta incidência de casos da NH1N1. Fiquei um pouco perplexo pelo cuidado. Mas achei ok.

Tragado o amargo que o zíper da mala colocou na minha boca, continuei minha rotina pré-viagem. Tudo pronto, sentei no computador para ver a temperatura na capital ˝chalanga˝, ler as últimas notícias e verificar se o voo estava no horário. Foi aí que a coisa se cristalizou: li que uma passageira havia embarcado com gripe de Orlando a SP, com escala na Cidade do Panamá, e pouco antes o avião pousar, teve uma parada cardíaca, em um quadro diagnosticado como pneumonia. Acho que foi como alguém contaminado tivesse espirrado na minha cara.

Para completar, um amigo médico me chama no MSN. Começo a conversar com ele, e ele me afirma que a situação é mais grave do que a mídia tem noticiado (praticamente um fenômeno a mídia arrefecer diante de uma pauta destas). Diz que risco corremos em todo lugar, mas que a probabilidade é algo que podemos controlar.

Olhei pro minúsculo: ele tá lindo, enorme, saudável e sem nada, nem cólicas que possam abalar sua paz e tranquilidade. A Mamagatha tá fazendo um trabalho lindo, dedicada integralmente, segurando um baita rojão dentro de casa...serena. Ao longo dos meus preparativos, manteve-se calma, apenas me seguindo (e pedindo) com os olhos. Quem conhece esses olhos sabe o quanto são expressivos.

Dez anos na firrrrmaaa, embarques para cumprir o dever na mesma semana dos ataques de 11 de setembro, feriados fora de casa, aniversários fora de casa e um histórico razoável para me dar a certeza de que nada é mais importante que o maiúsculo amor que já sinto pelo minúsculo. Mesmo estando apreensivo hoje, pois não estarei in loco para me certificar de que meu trabalho foi realizado com sucesso, posso dizer que tomei a decisão correta. Não só com a razão, mas como o coração também.

Espero que tudo dê certo no evento no México. Pois até agora, tudo tem dado certo na recente vida do minúsculo. E é isso que importa. E é isso que não vai mudar para ele em tudo o que depender de mim.

Um giga-beijo no minúsculo. Um tera-beijo na mãe dele!

Babbo

Aniversario de 2 meses do fofildo!!!




Sábado, dia 1 de Agosto, Gael completou 2 meses!!

Por enquanto continua magricela e comprido, já não cabe no meu colo e fico pensando aonde isso vai parar (hehehe, meu João Grandao).

Reparo que ele já responde muito mais aos nossos estímulos, os tipos choros já são mais fáceis de distinguir, já abre um sorriso de quebrar as pernas, já acompanha com os olhos todos nossos movimentos ... e o olhar de gatinho (como o Gato de botas faz no desenho Shrek)? Daquele que da vontade de pegar ele no colo e dizer "Mamãe esta aqui, não se preocupe com nada", pois eh, baita medo de mimar este garoto sem perceber. Ainda mais quando ele faz um biquinho quando vai chorar ... ai que fofo.

No sábado fizemos um "Chá das Cinco" aqui em casa para comemorar mais este mês, e chamamos alguns amigos que ainda não tinham vindo vê-lo e com eles veio a Laurinha-Fofona, a primeira convidada da primeira festa dele.

Foi uma delicia. E percebi sinais nítidos de como nossa vida e nossa rotina vão se alterando naturalmente e antes da meia-noite já estávamos todos na cama, banhados e dormindo sono tranquilo.

Parabéns nosso amor!!!

Babbo e Super Egg

sexta-feira, 31 de julho de 2009

Quarto de brinquedos!!!



Este divertido vídeo mostra um bebe de nove meses durante quatro horas em um quarto de brinquedos, em 2 minutos!!!

A musica eh otima!

Matéria referencia: http://www.newgenerationbaby.com/playing/baby-keeps-himself-entertained-for-4-hours


Super Egg

quinta-feira, 30 de julho de 2009

A gang dos Bebes by Evian



Incrível!! quando se entre neste mundo, a de "COM FILHOS" começa a achar encanto em coisas que antes passavam em branco, ou como um simples rabisco!!

Super Egg

Primeiros socorros para criancas



Tenho um pânico!! O de engasgar e ver alguém engasgando.

Uma vez, pequena ainda, combinei dois ingredientes explosivos, bala Kids (lembram, aquela bala transparente, arredondada, colorida, linda de ver e deliciosa de chupar) com escorregador. Estava no playground do prédio, naquela época não tinha esta profusão de babas e as crianças estavam por si, na rua, no pátio, em praças. A coisa era mais tranquila (ou a divulgação precária, anos 70). Pois bem, voltando, ao escorregar, com a bala na boca, engasguei! Fui escorregando engasgada e só me livrei da situação ao chegar ao chão e com o tranco, engolir a bala!! Nunca mais subi em um escorregador e chupei a tal bala.

Hoje fico pensando o que teria acontecido se não tivesse engolido a bala com o tranco, pois no playground so tinham crianças. Prefiro pensar que como eu tive, toda criancinha conta com uma ajuda extra do Divino.

Tenho pavor de "engasgos", travo, e foi por isso que a primeira coisa que perguntei ao pediatra (santo paciente) como deveria agir em um caso deste e ele me explicou exatamente o que esta sendo demonstrado no vídeo acima.

Eh bom saber!

Super Egg

quarta-feira, 29 de julho de 2009

Para pais de meninos, cuidado com o XIXI a jato!




Pais de meninos-bebes, cuidado no momento da troca ao poder de alcance do pipi de seu filhote, eh de se orgulhar, e se molhar!!!

Depois de muitos xixis aéreos e muitas vitimas compramos uns cones mágicos em uma loja americana e a coisa deu jeito, desde que não nos esqueçamos de coloca-lo!!!

Super Egg

A tal funchicoria!!!

Depois de um dia atordoado com o Gael irritadiço, liguei para o Pediatra, desesperada: "PelamordeDeus me ajuda a diminuir o sofrimento dele", do outro lado, no meio de tantas outras palavras tentando me acalmar, destaquei "...funchicoria...".

Santo remédio caseiro!!!

Sou a mais nova fã da funchicoria!!!

Super Funch-egg

terça-feira, 28 de julho de 2009

Indicacao de uma Agencia de Babas!!




Bem, mais uma vez fui convencida de, nestes primeiros meses de vida, contratar uma baba!!

Por dois motivos: o primeiro, não achei um berçário que me convencesse de que ali seria um bom lugar para deixar meu bem precioso enquanto ele não sabe se expressar e o segundo por causa dos tais resfriados tão comentados pelo pediatra!!

Fui na busca da sonhada baba de nome "Socorro" (Acreditem ela existe e esta trabalhando para uma amiga!!)

As duas primeiras tentativas amadoras falharam, distancias incompatíveis.

Através de uma amiga, que tem, literalmente sua Socorro, me indicou a agência "Trilhando Vidas". Bem, o preço do serviço, bem salgado, socoooorro, mas se for para me dar o help certo e me arranjar uma outra Socorro, valera a pena!!!


Super HElgg

sexta-feira, 24 de julho de 2009

Bercario ou Baba!!!?





Agora me deparei com um momento inédito para mim, tomar uma decisão por meu filho!!

Qual será o melhor, coloca-lo em um berçário ou contratar uma baba? Ai duvida cruel!!

Então, resolvi, já que a emoção pede para que eu mesma fique com ele, e isso será impossível, ir pela razão e listar prós e contras

Babas:
Pontos Positivos
- Seu filho fica em casa, ambiente não promiscuo
- Se a baba for de confiança e experiente (estas são caras) você não terá muita dor de cabeça e seu filho terá uma excelente compania

Pontos Negativos
- Elas faltam
- Elas também engravidam
- Elas podem influenciar seu filho
- Elas podem beliscar seu filho
- Seu filho não tem contato com outras crianças
- Difícil achar uma boa baba (Se alguém conhecer uma, por favor, me indiquem)

Berçário:
Pontos Positivos
- Pode estar perto de você possibilitando visitas a qualquer momento
- Tem um monte de pessoas se auto vigiando e alguns tem a opção de monitor o berçário de forma virtual pela internet

Pontos Negativos
- Nada de banho e você tem que levar a comidinha (acho isso natural)
- A maioria tem aspecto estranho
Pontos Negativos
- Seu filho pode pegar resfriado facilmente
- Período integral geralmente pode custar o mesmo que uma boa baba

Bem, estou pensando em mais itens desta lista, tenho ate o final deste mês para tomar uma decisão a respeito disto!!!

Banho no Balde!!!



Testamos dar um banho de imersao no Gael usando um baldinho de Ofuro!! Fantastico!!! Ele simplesmente adorou e relaxou!!! Na agua deliciosamente morna, colocamos um produo da Jonhson que tem como finalidade uma terapia aromatica relaxante. Mas poderia ser oleos e ervas!!!

Depois disso, uma boa mamada e eh dai pro berco!!!

Super Egg

Resumo de 2 meses!!!



Sobre Fraldas: Experimentamos, durante este tempo, vários tipos de fralda, pois as de tamanho RN acabaram rápido. Nos falaram que bebes RN perdem tudo na primeira semana (exagero, o Gael esta chegando no segundo mês e só perdeu 1 body e continua no mesmo numero de fralda), bem, não foi o nosso caso. Gostamos da marca Pampers RN ate 4,5 kilos e Pamper RN de 3 a 6 kilos sendo que esta, a de 3 a 6 kilos, me causa menos problemas (de vazamento ou marcas no corpo dele).

Sobre o Carrinho: Depois de muito pesquisar compramos o PEG PEREGO PLIKO SWITCH e estamos gostando muito dele. Achei importante ter aquela redinha protetora que impede que o bebe escorregue, e realmente esta sendo muito útil pois o Gael de tanto se mexer acaba acordando no fundo do carrinho (No vídeo do carrinho, via youtube, tem acessório extras que não vem com o carrinho). Nos bebe conforto também eh da linha PEG PEREGO o que permite o encaixe na base do carrinho.

Sobre a Banheira: Bem, o banho eh algo meio rápido e tem q ter tudo a alcance das mãos. Fique pensando na opção banheira e trocador (aquele modelo a venda da Burogotto), imagine que tem que tirar o bebe do banho, ele la todo geladinho e em um braço só, pois o outro esta tentando baixar (ou encaixar) o trocador na base da banheira ... tem q ver isso direito, o que parece pratico, na pratica não eh bem assim. A coisa tem que ser agil, tiro ueo Gael rapidinho da agua e carrego ele (molhadinho) ate uma base que já tem q estar com tudo esperando, toalhas estendidas por exemplo.

Itens que uso bastante: Esterilizador de chupeta (e futuro esquenta mamadeira), Aquecedor elétrico com termostato (descobri que mais uns dois casais tbem estao escravo do aquecedor, pois o bebe eh muito sensível e o frio causa mal estar nele), Humidificador de ar (com o aquecedor e com o tempo seco de sampa eh melhor ter um), Muitos paninhos de babar, Toalhas-Fraldas, Trocadores extras e portáteis, usamos muito algodão para limpa-lo (o pediatra não gosta muito das toalhas umidecidas) e neste caso precisamos de uma garrafa térmica (para manter a agua quentinha sempre), bastante fralda de pano, uns 3 cueros.

Itens que deixo na Bolsa de sair: Trocador portátil, 4 fraldas, 2 fraldas de pano, uma necessarie contendo saquinhos para jogar fraldas sujas, quite de miniaturas Jonhson de limpeza (para viagens ou no caso de estar em outra lugar na hora de dar banho nele), Lenços umidecidos, capinha para guardar chupeta, conjunto completo de roupa para provável troca e a mantinha de sair.

Itens que mais uso de Farmacia: Pomada de assaduras A+D, Linha Jonhson de banho (hidratante, sabonete liquido, shampoo), Linha Jonhson nigth (sabonete de imersão e creme), Luftal (ajudar nos gases), Salsep (alivio congestão nasal), Ad-til (Vitamina) -- Sob indicação do pediatra --- Cotonetes para secar dobrinhas (são muitas) das pernas, do pescoço, para secar entre os dedos do pés e mãos, para limpar nariz, orelha e o umbigo. Usamos bastante álcool a 70% (ainda estamos nos tubinhos que a maternidade nos deu, 1 para uso geral e um outro glicerinado para limpar as mãos) -- acho este item bastante importante pois toda hora que tenho que pega-lo, coisa rápida, em vez de lavar as mãos pego o tubinho, que deixo sempre perto, e desinfeto as minhas mãos.

Itens que utilizo no dia a dia: O Gael tem dois baldes soh para as coisas dele, 1 para uso geral de coisas dele e outro para preparo de banho e para o banho de imersão. Para lavar as roupas dele, utilizo a maquina de lavar mesmo, porem, lavo separado das nossas. Utilizamos um sabão liquido especial para roupas de bebes que nao tem cheiro forte (no comeco eles falam para nao usar nada com cheiro forte), agora que estamos a usar um amaciante com cheiro fraquinho, tambem para bebes. Para a limpeza do quarto, utilizamos um paninho e alcool para as bases e todos os dias passo um pano umido no chao. Faco isso por causa da Layla, para tirar os pelos.

Itens em teste de viabilidade: Sling e a maquina de tira leite

Super Egg

quarta-feira, 8 de julho de 2009

Primeiro mes de Gael no planeta Terra



Primeiro dia de Julho nosso Gael completou seu primeiro mês de existência no planeta Terra!!

Um resumo do que foi este primeiro mês: "Suuper gemeos ativar, Forma de um enorme copo de leite!!!" -- Foi isso!!

No comecinho nao tem muita interacao o que torna a coisa um pouco mais absurda e refletiva. Ficar olhando para aquele livro em branco, com alguma autonomia psiquica que vai se manifestando cada vez mais no decorrer de nossas vidas.

La para o 15o. dia ele já começa a corresponder com o olhar, ja te encara fundo, ja te procura no meio do ambiente!!

As caretas ainda são espasmos, exceto os choros que totalmente instintivos, dor, fome, incomodo!!

Alguns dizem para eu curtir esta fase pois ela dura pouco e depois sentirei saudades, bem, não sei se eh bem assim, pode ser que isso comece daqui a alguns meses, pois estes primeiro meses sem muita interação eh um jogo de paciência e dedicação! E de muita observação também!!

Sempre naquela expectativa de que aquele sorriso (ver foto) foi resposta ao seu "Bilu-Bilu"!!

Super Egg "crescendo junto"

quarta-feira, 24 de junho de 2009

Aprendendo a usar o Babysling (Sera que o Gael vai se adaptar)

Hoje tiramos o Sling (da marca BabySling) do armário e vamos testar com o Gael

Como ganhamos o apetrecho de uma amiga, que nao se deu muito bem com ele, nao tivemos acesso a um manual, fomos procurar na internet e achamos pouca coisa realmente util, principalmente para recem-nascidos-molenguinhas.

A primeira tentativa não deu certo pois ele ficou em uma posição desconfortável, o pescoço meio esquisito parecia que não tinha espaço para ele respirar, entao descobri que tinha colocado o Sling invertido

Deu certo!! Bem interessante, principalmente pela provavel mobilidade!!

Opaa, ele me chama!!

Super Egg

terça-feira, 16 de junho de 2009

Cortar unhas!!! Ai que frio na espinha

Hoje, fomos tentar cortar as minusculas unhas do Gael!!

Muito frio na espinha!!

Eh, um bom conselho, serio, corte as unhas quando o filhote estiver calminho, dormindo ou pensando na vida, nao tente fazer isso em um momento de agitacao, com visita e batendo papo, pode acontecer um acidente!!

Infelizmente sentimos isso na pele, foi como uma facada no coração!! Nada de grave, um acidentezinho de nada, mas, foi como se o mundo caísse em cima de nos, a sensação de péssimos pais, de incapazes veio direto, toin na testa, e com os meus hormonios ainda em desarmonia, nao sabia se me trancava no banheiro para chorar, se batia no primeiro que estivesse ao meu lado ou se tentava acalmar o baby!!

O resultado foi, acalmar o baby, com lágrimas, e não bater em ninguém!!

Mas, muito cuidado com o corte das unhas e momento em fará isso!!

Super Egg

Principais noticias do dia 01 de junho

Sinceramente, pensei em colocar as principais noticias deste dia, o que aconteceu e blah blah blah, mas esta tudo tão sensacionalista, bizarro, de péssimo gosto, eh aquilo de querer faturar em cima das coisas ruins que acontecem, ninguém quer mais saber de noticia boa, como a descoberta de uma cura, o nascimento de um animalzinho especial, nada, nada!! Soh coisa ruim mesmo!! Me nego a reportar isso, mas vou deixar este post, não vou colocar o ano, pois pretendo ainda, procurar em algum momento da historia alguma noticia boa para postar aqui!!!

Super Egg indignada com a direção da humanidade

sábado, 13 de junho de 2009

A primeira colica a gente nunca esquece!!

Eh um tanto apavorante, ver seu filhinho berrando de perder o fôlego!! Um som que vem do fundo a inocente alma dele!!

Eu ja tinha passado por uma cólica antes, quando minha, ainda minúscula, sobrinha passou uma noite conosco, e lembro que eu fiquei estagnada, parada, horrorizada enquanto o papai-titio Fabeats ficava com ela balançando, para la e para cá ate passar!!

O mesmo aconteceu quando a cólica atacou o nosso pequeno príncipe. Mas, desta vez, um pouquinho mais experiente, eu me envolvi e então atacamos a cólica juntos:

1) Ver o CD "The Happiest Baby on the Block" do Dr Harvey Karp (Indicação também da Lu Terceiro) que da algumas dicas bacanas para acalmar o baby
2) Toalhinhas quentes na barriguinha
3) Para antecipar a solução, estamos dando Luftal (1 gotinha por quilo) na mamada das 14 horas para ajuda-lo a soltar os gazes. (Não utilizamos a Funchicoria ainda)
4) Muita paciência e carinho

Super Egg

segunda-feira, 8 de junho de 2009

Primeira Semana em casa!! Pode ser estressante, ou nao, so depende de suas escolhas



Uma semana de adaptação!! Alguns desastres ocorridos!! Alguns momentos de nervoso!! A expectativa que aquele determinado tipo de choro pudesse ser a (não) esperada coliquinha!! Mas, tudo, no geral, indo bem.

Nesta primeira semana a sogra esta aqui e ajudando no que ela pode, e também tendo que aguentar a nora "nervos a flor da pele" - e eu tenho que aguentar ela -

Bem, como ela tinha me pedido antes do nascimento que gostaria de dar o primeiro banho no neto, atendi a seu desejo, mesmo querendo muito ficar sozinha em casa (depois do momento "Mega Rave na Maternidade"), e ela deu o primeiro banho, com as mãos ferida, quase uma saga do mesmo nível vista em "Terras Secas" misturada com uma novela mexicana! (Agradecimentos a Maria pelo apoio no primeiro banho do guri).

No segundo banho, estresse maior, meus hormonios vs. nervosismo de sogra, bem, eu sou a operada, tenho o direito de ter meus ataques, o resto que se resolva com eles em algum terapeuta ... não preciso dizer que o segundo banho foi bastante estressante, bebe chorando, sogra não fazendo como eu tinha pedido e tudo o mais!!

Agora entendo porque a mais indicada para ficar com a filha-nova-mãe (e, sim, com o recém-novo-pai) e, de fato, a sua própria mãe! So ela entendera os xiliques da filha e saberá acalmar o marido!!!

Todos tem a melhor das intenções, mas uma coisa eh que você, mãe-nova, não esta muito bem, tendo que lidar com muita coisa nova, tendo que administrar a sua operação, o seu humor, o humor daquele serzinho e no fundo tentar manter a calma, e principalmente, sua lucidez! Ah sim, faca aquilo que acha que tem de fazer, não tente fazer para agradar outras pessoas, pense, quem tem que estar bem eh você para assim fazer seu filho ficar bem!!

Eh isso!! Primeira semana em casa pode ser boa, ou não, so depende de você e suas escolhas!!

Super Egg

quinta-feira, 4 de junho de 2009

Primeiro desastre


Ola!
Eu sou o Babbo do Gael e, na ansia de ser eficiente, acabei ocasionando o primeiro desastre (quase nuclear) da vida a tres aqui em casa.
Para nos, pais, nos sobra tudo o que as maes nao podem fazer (o que, de fato, nao e muita coisa em comparacao a jornada feminina) e muita, mas muita vontade de ser um Pai Gelol- aquele que participa tambem!
Bom, tendo essa filosofia em mente, o Babbo aqui queria fazer algo enquanto MamAgatha (no duplo sentido que o trocadalho do carilho pode ter) alimentava a cria, e pensou: aha, vou me antecipar e comecar a esterilizar coisinhas do Gael.
Abri o armario, peguei o pacote de super sacos para esterilizar no microondas (adquiridos na gringolandia) e li as instrucoes. A unica recomendacao especial era adicionar agua e retirar o pacote com luvas. Pensei, facil demais!
Os primeiros objetos escolhidos foram os itens de toillete do fofildo: colher medidora, cortador de unha, aspirador nasal, tesourinha sem ponta, oinca e...bem, termometro.
E caro leitos, nem me dei conta de que termometros contem mercurio.
Feliz da vida, peito estufado e prester a realizar um feito unico na historia, abri o saquinho, coloquei os pertences, joguei agua e, bem...coloquei pra "fritar" no microondas.
O resultado so nao teve cogumelo de fumaca pois acho que o Divino quis poupar o Gael do vexame na vizinhanca.
O microondas apitou e eu sai dos confundos da casa para, feliz da vida, ir retirar tudo limpinho da silva daquele saco quase norte-coreano! E voila: tudo havia virado uma grande papinha de aliens...e o cheiro...bem...o cheiro tivemos que conviver com ele por mais ou menos 6 horas dentro de casa. O mercurio e denso e custo a evaporar!!!
Entre mortos, feridos e mamadas, tudo acabou bem: so levei uma bronca turbinada por hormonios em polvorosa da MamAgatha, pois ela ficou sentida com a perda dos pertences.
Enquanto isso, Gaelzito olhava a tudo, pensando: onde e que eu vim parar???!!!!
Beijos a todos,

FaBabbo

Preparacao para o Banho

Bem, acreditava que a parte mais dificil seria o banho.

Aquele ser molinho e sensivel, em minhas maos, pronto para a qualquer momento dar um "Chibum" na banheira, de cabeca, ou entao, de se queimar com a agua que mamae ecreditou estar na temperatura certa, qualquer falha que fosse!!

Mas nao, foi bastante tranquilo, depois das instrucoes das meninas da maternidade e alguns videos que achei na internet, atraves do Youtube, la fui eu, sem mae, sem sogra, sem fadas madrinhas, pelo menos nenhuma que eu pudesse ver e principalmente escutar.

Devemos ter em mente que ele vai tomar pelo menos umas duas horas do seu tempo, desde o preparo ate a mamada-pos-banho-derruba-leao. Depois dos primeiros banhos, onde os pais ainda estao em estado de extase, tudo eh lindo e maravilhoso e voce quer fazer tudo, mas tudo mesmo, sozinho, como uma brincadeira de casinha de boneca. Mas depois de um tempo, so esta atividade ja dava para justificar a contratacao de uma baba!!

Outra coisa que me falaram, me programei para isso, planejar a gestacao para que ela termine em um periodo do ano mais frio. Ok! Muito bom! Na real, nao passei tanto calor assim e o finalzinho para mim foi muito rapido, nada que justificasse o meu filho nascer e passar o periodo de recem-nascido no baita frio. Tudo fica mais complicado!!

1.) Acordar a noite eh complicado
2.) A agua do chuveiro nao esquenta o suficiente para facilitar sua vida e entao tem que colocar em pratica o plano B, esquentar a agua e isso requer um tempo antecipado ao banho.
3.) Seu filho tem frio com maior facilidade e com isso fica mais manhosinho e quer ficar no quentinho do colo ou perto do calor humano dos pais. Entao voce vai la e esquenta ele com cobertores, aquecedores, casacos e depois fica preocupado se ele nao esta quente demais ou ate se sufocando.
4.) Tem a preocupacao dele a qualquer momento pegar um resfriado

Mas, nosso filho nasceu no inverno e temos que aprender a lidar com tudo isso, e estamos indo bem!

Voltando para casa

Voltando para casa

O pequeno Gael




A primeira sensação que temos ao ver Gael e de que ele e magico! Não eh porque sou a mãe dele, ele tem um olhar penetrante envolvente! Da vontade de ficar olhando para ele.

Super "Baba" Egg

Relatorio do Babbo

Relatorio do Babbo

Resumo da maternidade

Resumo da maternidade

Resumo de todo o processo

Resumo de todo o processo

Noticias ruins .. fique longe delas

Noticias ruins .. fique longe delas

Na maternidade (Pro-Matre)



A estadia na maternidade - que parece um hotel - foi excelente, salvo algumas confusões administrativas da Pro-Matre, todas contornáveis, e resolvidas pelo pai!!

Chegamos na segunda-feira, dia 01 de junho as 8 horas da manha para dar entrada na minha internação, fomos para o quarto e esperamos começarem todos os procedimentos!! Confesso que estava bastante apreensiva, mas as pessoas certas, na quantidade certa, e o recomendável para que isso te tranquilize e torne as coisas mais fáceis!!

No meu caso, escolhi minha mãe, meu marido (sim, ele eh o mais importante de tudo, desde que seja um marido e tanto, no meu caso, sou abençoada), minha sogra (esta para ajudar o meu marido) e amigas-irmãs, no meu caso, graças ao bom Deus, Dani pode estar comigo!

Nascido Gael e passadas as muitas horas na ala de recuperação, me levaram para o quarto, me aproximando, ouvia do corredor as vozes ... sim, mega encontro no meu quarto!! Hehehe, o que era para ser algo incomodo para mim se tornou um aconchego!! Todos as pessoas mais próximas, a Bia, o Du, a família, o Evandro ... todas pessoas queridas e amadas!! Gostei!!

Ao chegar, a sogrita-ansiosa ja ligou no bercario e pediu para trazer Gael, todos muito curiosos (eu também, afinal, quando o vi pela primeira vez estava um tanto "grogue" e ele me parecia meio "mano" com uma toquinha estranha)

Os dias seguintes (foram 3,5 dias) seguiram a mesma linha, quarto sempre cheio, vovô Tonhao e vovó Marta estavam sempre la. O vovô Mauro, conseguiu burlar as regras da maternidade e entrar depois das 22 horas (dica: tente entrar pelo estacionamento, a segurança e tão boa que tem uma forma de subir direto). A vovó Nene, ficou conosco os primeiros dias, depois foi para a minha casa para dar uma ordem la antes de irmos (thanks!).

Ah e os dias foram ótimos, comidinha na cama, todas as refeições (fiquei viciada nas torradinhas com geleia e chá), as meninas da maternidade são otimas! Soh não gostava muito quando elas levavam o Gael embora!! Mas, era necessário, afinal, eu estava pos-operada e ele tinha que ficar em observação!

Minha querida medica sempre dizia "Do que vale um excelente pré-natal se nosso filho nao vai embora com a gente" -- E verdade!! Fiquei imaginando a agonia de mães que passam por este estresse!!


Bem, uma galera foi visitar o Gael e agredeco a todos por isso: Familia (quase) toda, Tia Dani e Tia Bia, Tio Du, Tchurma da Travelport, Tia Dea e Fred, Tia Dani, tio Segre e gemeos, tio Ricardo, tia Nick e Victoria, Tia Paty, tio Ale e Rafa, Tio Ailton, Tio Gastao (que tem as mesmas iniciais do Gael - GPM) e Tio Felipe!!

Valew

Super Egg

Conhecidos que nasceram na Pro-Matre: Vovo Tonhao, Fre (Filho da Dea), Rafaela (Filha a Paty), Victoria (Filha da Annick)!!

Dia da operacao!!

De todo o processo gestacional, o mais - e ao mesmo tempo, menos - esperado era o dia "D" nascer!!

Capitulo: Agulhas negras

Incrivelmente, a minha coragem, forca, imagem de super mulher independente, executiva de sucesso, realmente acaba quando começa a ponta de uma agulha (ou quando avisto perninhas ou anteninhas marrons de uma barata). E como nao poderia ser diferente, no dia da operacao como sempre achei que fosse, agulhas enormes por todos os lados!!

Acordei pensando nelas, tentava mudar de assunto, buscando interesse no momento em que ele fosse apresentado a nos, mas, sempre, voltava ao intervalo entre o momento atual e o momento futuro ... entre eles, muitas agulhas picavam meus pensamentos!!

Mas, a que mais me interessava era a tal da peridural, mesmo com o pessoal dizendo que era "fichinha", "tranquilo" e ate "você tira de letra", eles não me conheciam como eu me conheço. Na minha cabeça, eles estavam, todos, tentando me enganar!! Pois na lógica, uma agulha nas costa, bem, não tem razão de não doer!!!

Ao chegar no hospital para a internação, as 8 horas, ja vieram me picar, "caramba" uma agulha que, sem brincadeira, alem de enorme, era muito grossa, e reta... por que esta informação e importante dizer? E porque ela tinha que ser passada por uma veia dançarina totalmente sinuosa, a minha veia Marilyn Monroe!!! Doeu bastante!!! Mas fiquei feliz em saber que a tortura era única, e que todas os medicamentos eu iria tomar por aquele cateter danado!!

A operação estava marcada para as 13:30h e a cada minuto, mesmo tentando me desviar de tudo que fosse pensamento agulhal, sabia que a tal da peridural estava perto!! E, as 13:30 em ponto la fui eu, levada, confortavelmente para encontra-la!!

Na sala de operacao a maior conversacao, momento Happy de obstetras, anestesistas, instrumentadores, um sonzinho rolando ao fundo. Afinal, e um tipo de operacao feliz, descontraida, pra que drama, nao? Por causa de uma periduralzinha!! Tira da maca, coloca na cama cirurgica, chegou a hora, neste momento eu senti que estava tremendo, a Dra Paula ao segurar minha mao brincou com o meu frio. "Nao era frio doutora, era medo!! Cade o Fabio? Ele precisa estar aqui!!"

Ah, sim!! O fato dela segurar minha mao, tentar puxar assunto sobre algo, eu naquela posicao sentada para frente, mais para frente, expondo minhas costas para o anestesista, recebendo as dicas de "Ele vai marca o local, voce vai sentir uma picada, super rapida, estou te avisando para que voce evite pular ou se mexer!!" --- ta de brincadeira, como ela ... pronto ... nao foi nada demais, tranquilo, nao doeu, nao tenho mais medo de peridural!! Ela e mais tranquila do que a primeira, aquela que introduz o cateter!!!

A peridural e tranquila!!!

Capitulo: Comeca a operacao

Fabio ja tinha entrado na sala, com um monte de maquinas do fotografar e estava ao meu lado. Eu nesta altura comeca, comecando a ficar "grogue" e a passar um pouco mal e ficar preocupada se por um acaso fosse alergica a algum tipo de anestesia, sei la ...

Neste momento ja estava totalmente grogue na posicao "Jesus Cristo na Cruz pedindo para o grande pai perdoar todo mundo" com um monte de sensores ligados e o barulhinhos de Pi....Pi....Pi !!! Gentem, foi minha primeira operacao!! Quando pensei em falar ao simpatico anestesista sobre minha situacao, ele me aliviou me falando "Voce esta passando mal, certo, nao se preocupa, vamos dar um jeito para aliviar", foi entao que ele fez um movimento que colocou abaixo todo o cuidado que dediquei aquela barriga durante esses nove meses, com as duas maos, ele empurrou minha barriguinha e meu bebezinho para la e para ca, e, acredite, automaticamente, o mal estar passou, fiquei abismadamente feliz com aquilo, "Sera que eu poderia ter feito isso em alguma situacao que me causou mal estar durante estes nove meses?". Bem, continuando, como disse entrei na cirurgia as 13h30m, foi tudo muito rapido, as 13h57m nascia Gael Pereira Mendes, com 3,480kg e 48,5cm. Chorinho, papai atrapalhado entre emocao e tentar registrar, na janelinha as avos e a tia Dani se emocionam!!

E a mae, "grogue", com a voz de bebado, "Cade, tambem quero ver, ahhh, la vem ele, Ahhhh, meu filho!!! Que lindo!! Que inocente!! Chorandao!!" -- Alguns flash depois, caras que entram na minha frente parabenizando, a groguice aumentando, volta bebe limpo e embalado, foto aqui, foto acula, desaparecem pai e filho, e comeca o processo de costura tudo de volta. Na vitrola tocando BBKing e a conversa de medico sobre o que aconteceu no sabado continua ... Uma nova fase comecou!!


Capitulo: Emocao!!

E o momento mais magico de todos, e escutar o primeiro choro, o primeiro som, o primeiro contato, como uma magica, tudo se conecta, coracao com coracao!! Para sempre!!

Super Egg e Super Babbao

domingo, 31 de maio de 2009

Mensagem per te - Babbo



Gael,

Hoje, para ser exato e cronológico, temos 12 dias juntos. Você, cara, já e parte inseparável de mim e da mamãe. Estamos curtindo muito essa doideira e tentando fazer tudo como era antes. Claro que temos muitos cuidados com você, mas queremos que você se adapte a essa casa. Sabe porque? Porque rola um clima legal hoje aqui. Somo muitos afortunados em poder estabelecer um objetivo e alcança-lo, como você. O sabor disso desencadeia uma reação fora de controle, mas com foco na paternidade, Na proteção, na vontade de fazer algumas coisas diferente, pois como digo, e fundamental ser igual para depois ser diferente. Com certeza, traz credibilidade ao rompimento. Mas não romper também não significa nada. O importante eh acreditar naquilo que você acha. Sim, muitas coisas na vida não são contas certas, que no final o resultado e óbvio. Você vai precisar decidir muito, mas eh isso que vão determinar quem você eh. Eu e a mamãe vamos simplesmente te mostrar uma estrada com um monte de saídas para que você possa escolher a sua, ou, simplesmente seguir nela mesma.

O importante e nos amarmos, nos protegermos e nos reconfortarmos ao longo de nossas vidas.

Terão horas em que você vai querer distancia disso. Eh normal, eh preciso se afastar as vezes para enxergar melhor. Eu e sua mãe provavelmente vamos enlouquecer nessa fase, mas quer um conselho? Não liga não...faca o que tem que ser feito: apenas haja com ética, sabedoria, respeito ao próximo e maturidade. Coisas que eu e a Mamma vamos cuidar de dar um bom repertório para que você possa decidir de maneira mais assertiva.

Bom, tenho muitas coisas para te falar, mas vamos ter tempo de sobra, Mesmo porque, esse eh um papo meu e seu. Soh de nos dois.

Um beijo cheio de amor do Babbo

Eh Hoje!!!



Estou tentando segurar a ansiedade, juro! Mas sinto que estou realmente ansiosa quando começo a enrolar para dormir, como se fosse uma forma de não confrontar o momento que me faz ficar ansiosa!!

Não entendo muito bem o que esta me deixando ansiosa, mas acredito que seja a injeção que dão nas costas .. tenho pavor de agulhas!!!

Mas, ok, sei que e besteira mas acreditem, e verdade ... agulhas e baratas!! Simplesmente nao me dou muito bem com estes dois elementos.

Ansiedade boba, ne?! Frente ao que sera o grande encontro!!

Hoje conheceremos o Gael e a impressão que nos da e que esta todo mundo na maior expectativa também, tipo, Gael filho de todo mundo, filho do papai e da mamãe, filho dos avós, filho da tia Dani, da tia Bia, das titias Kara, Nalu e Bia, filho dos amigos todos (todos, todos)... o filho do mundo!! Vou ter que segurar minha onda!!

Ate daqui a pouco

Super Egg

Almoco com a Familia Pereira Lins de Vasconcellos




Ultimo domingo antes do nascimento, fomos todos almoçar para comemorar o dia D!!

A priminha Majoo queria ja ter visto o Gael, como ela disse, "Vivo"!! Hehehe, achei engraçada a referencia.

Ela deu vários beijinhos no primo ainda na barriga, disse que não iria dormir no quarto com ele pois se ele começasse a chorar ela não conseguiria dormir e desejou um feliz "nascinanamento" (ela ainda nao sabe falar a palavra)!!!

Vovo Tonho e vovo Marta, titia Ana e titio Marcos estavam todos la na pré comemoração!!!

Ate mais

Super Egg

quinta-feira, 28 de maio de 2009

Criando um ceu estrelado para o nosso bebe!!

O quarto do nosso guri esta quase no ponto!

Hoje, fizemos, Babbo e eu, um céu estrelado com ovelhinhas voadoras para alimentar o imaginário do nosso bebezinho.

Enquanto posicionávamos as estrelas brilhantes no teto do quarto, comecei a pensar na minha infância e como tive a sorte de ter ao alcance a possibilidade de enriquecer meu imaginário. Imaginário este que me acompanhou e me acompanha sempre.

Lembro, que naqueles tempos (70-80) era muito comum a família ficar ali, unida, e na nossa não era diferente. Ficávamos muito tempo dentro de casa. E todos ali, juntos, cada um fazendo algo de seu interesse, minha mãe costurando, meu padrasto lendo, meu irmão bebe dormindo (minha ainda não era nascida) e eu, bem, pegava aqueles livros grandes de artes e começava a folhear, olhando cada detalhe, aquele cheiro de papel, era uma delicia .... Nossa, eu viajava no absurdo de Pieter Bruegel.

Nesta época, morávamos em uma casa deliciosa na Vila Nova Conceição! Na rua, deveriam ter pelo menos umas 10 crianças, umas três da minha idade, uns 3 anos (Sim, eu me lembro de muita coisa desde cedo)!! Na esquina, moravam três senhoras, solteironas, que eram muito amigas de nossa família, acredito que elas tenham me adotado como neta, pois sempre, umas das coisas mais esperadas era o bolo de aniversario que elas faziam para o meu dia, de chocolate, com granulado, uma cobertura bem farta!! Foi nesta casa que aprendi a andar de bicicleta, eu mesma tirei as rodinhas e levei um baita tombo que depois foi sarado com metiolate que ardia. Ah, nesta rua também tinha homem do saco que dava medo e que os pais sempre usavam para conseguir as coisas. Foi também nesta casa que tive meus melhores natais, o Papai Noel ainda existia e os presentes surgiam do nada embalados. Na pascoa ficávamos olhando na janela tentando ver o coelhinho da pascoa e depois corríamos para procurar os ovinhos (minha mãe sempre, de forma invisível, decorava as plantas do jardim e o chafariz que tínhamos na frente de casa com ovos pintados. Era uma delicia!!

Eu sei que hoje a realidade e diferente em vários aspectos, mas gostaria muito de no meio desta nossa loucura toda, conseguir uma maneira de trazer um pouco desta fantasia gostosa que faz ativar nossa criatividade desde pequenos, no berço, olhando as estrelinhas e as ovelhinhas voadoras! E se alguma cair, vou dizer que e uma estrela cadente e que ele pode fazer seu pedido!

Super Egg



Bons tempos!

39a. Semana! E o teeeempo nao passaaaa!!

Pois eh gente boa!!

Estou bem, nao sinto nada que não sentia na semana passada, as contracoes fraquinhas, o Gael parafusando minha bexiga, os pés inchados no normal, emagreci 500 gramas, tudo normal, sem sofrimento algum.

Dormir se torna um sofrimento, não porque dói algo, na verdade ate dói, os lados, começa a doer um lado, acordo me viro e durmo ate doer o outro e assim sigo a noite, como um preparatório para o período das mamadas, como tudo eh perfeito, hein? Pois e!! Mas o sofrimento a que me refiro e o de não conseguir dormir devido a ansiedade.

Eu tento de tudo, pego o livro e leio, leio, leio, bastante, MacMafia, super interessante. Mas antes, tomo um banho bem relaxante (se tivesse uma banheira, seria perfeito), tomo um chazinho calmante, navego na internet ate os olhos arderem, depois, vou para cama, pego o livro e, como disse antes, leio, leio, leio, os olhos ardem, "OPA! Hora de dormir!", tomo meu golinho d'agua, me viro e ... PIN ... olhos param de arder, cabeça começa a funcionar, penso nisso, penso naquilo, viro pra cá, viro para la, "Cade ele? O Sono?", então, a ansiedade expulsou ele. Ai ai, acende a luminaria, pego o livro de novo e leio, leio, leio!!

Não passa! Não nasce! Não chega segunda-feira nunca. Quem diria que em algum momento da minha vida, eu iria torcer tanto para que chegasse a segunda-feira desde uma quinta-feira!! Quem diria ...

Bem, vou para meu ritual, começando com o tal banho, boa noite para vocês!!

Super Egg

terça-feira, 26 de maio de 2009

38a. semana!! O guri nao se posicionou!!

Bem, 38a. semana e nada. Ele esta la, de cabeça para baixo, mas, sossegadinho, tendo seus solucinhos, se mexendo para ca e para la. Feliz da vida, crescendo, recebendo doses deliciosas de milkshake. Assim, ate eu nao iria querer nascer!

Frente a este quadro, entrando na 39a. semana, com o tamanhão do garoto, e nada de dilatação, a melhor opção, para evitar sofrimento para ambos será o parto cesariano!

E sabe de uma coisa, podem me chamar de maluca, anti-natureba, mas, eu prefiro assim. O fato de sofrer, gemer, gritar, pedir "pelamordeDeus tira ele de mim" para o medico, não estava me agradando em nada. Muito pelo contrario, estava me deixando ansioso, preocupada, nervosa, e isso sim poderia ser muito prejudicial, poderia criar uma diabete nervosa, ou subir minha pressão. Muitas coisas!

Quando ela, a medica, olhou para nos e perguntou: "Que tal marcamos um Born Line?". Fiquei muito aliviada "Ufa, uma data, um horário, sem surpresas?" - "Sim, sim, otima ideia, vamos conciliar com um dia que seja melhor para todos, um horário sem transito, acordo cedo, tomo café da manha, entro em jejum, sou internada, passo pelos exames que tenho que passar, e alguém vamos la" - Perfeito!!

O dia escolhido foi dia 01.06.2009!! Belo dia!! Cheio de brincadeiras numéricas entre seus dígitos.

Super Egg

domingo, 24 de maio de 2009

Vovo Mauro!!!

Como tinha falado antes, todo mundo esta querendo participar na preparação do mundo bacana para a chegada do Gael!!

Agora foi a vez do vovô Mauro que cuida, com muito carinho, dos últimos toques mágicos. Já colocou a luminária no teto (uma mega lâmpada), agora coloca as prateleiras na parede, depois os ganchos para o mobile e o mosquiteiro, e assim segue.

Uebaaa ... vamos que vamos!!

Ah sim, senti umas pontadinhas estranhas no pé da barriga, mas não foi nada, foi o Gael parafusando com a cabeça, alias, esse movimento que ele faz é bem chatinho!!

Super Egg

sábado, 23 de maio de 2009

Comunicacao entre pai e filho



Que bacana!! Baita atitude digna de nosso filho.

Na ultima consulta medica, houve uma variação no batimento cardíaco do Gael que nos deixou preocupados. Não se preocupem, nao e nada com ele, mas sim relacionado com a fase gestacional, o tamanhozinho dele e o cordão umbilical. A medica nos pediu para, ate a realização do exame cardiotocografico, ficarmos atentos aos movimentos dele.

Então, todo dia, eu acordo, viro para o Fabeats e falo, "Ele esta muito quieto, acho que ele ainda não acordou", então o Babbo, começa a falar com ele, uns cinco minutinhos bastam, ou menos, para começarmos a sentir a festa!!

O Babbo fica super feliz!!

E uma excelente forma de envolver o pai neste processo que muitas vezes parece so nosso

Super Egg

Data marcada!! Do dia 01 de junho nao passa!!



Quarto pronto, coisinhas estrategicamente posicionada, carrinho montado, banheira testada, roupinhas lavadas e malas prontas, agora só falta ele!!

Ja esta na hora de nascer, vamos parar com esta brincadeira de esconde-esconde que ja não tem mais graça.

Estamos a poucos dias dos nove meses e nenhum sinal de que o guri, nosso filho, Gael, esteja realmente disposto a nascer. Esta sossegado, la, quentinho. Se não quer ficar deitado de um lado, da uns chutinhos, mamãe vira, e pronto do jeito que ele gosta, por que nascer, ne?!

Bem, o espaço começa a ficar pequeno e não vai ficar tão bom la dentro quanto aqui fora, isso e certo!! Pensando nisso, sinto dizer, tiraremos ele de la no dia 01 de junho!!

Opaaa ... um momento .... não, alarme falso! Pois e, E assim que estou vivendo estes dias, primeira gravidez, não sabemos exatamente os sintomas, e se eu for daquelas que simplesmente o bebe escorrega? E se ele escorregar? E se, e se, e se!!

Eh, um recadinho, "você tem ate o dia 30.05 para nascer por livre e espontânea vontade, ok? Este e o nosso primeiro acordo!"

Super Ansiosa Egg

quinta-feira, 21 de maio de 2009

Inveja do Gigio!! Ele faz de proposito, eu sei!!




Saudades de dormir de outras formas que não seja de um lado ou do outro!!

Super Egg

Cade a Layla?



A Layla!

Com esta coisa da reforma, achamos por bem deixa-la hospedada por um tempo na casa da Karina e Bia.

Porem, todavia, no entanto, ontem assistimos aquele filme "Marley e eu", nossa, como choramos, fiquei ate preocupada de me emocionar muito e acabar tendo o parto naquele momento ... e sentimos saudades da nossa Escarvuskas Patas!

Nos demos conta que ela nunca ficou tanto tempo longe de sua casa como nesta fase e que precisamos ter ela de volta antes do nascimento, para que ela comece a se acostumar com todo o novo ambiente (pos reforma) e com o novo membro, o Gael!

Super Egg

Mais um geminiano no mundo!! Ebaaaa ...



Bem, a partir de agora ele pode nascer!!!

Super Egg Gemini group

Frase do dia: "O Fabio e o pai mai empolgado que eu conheco!!" (Bina)



Pois eh!! O Babbo Fabeats esta mais ansioso do que eu, isso eu garanto!!

Hoje, quase agorinha, fomos festejar o aniversario da Renatinha e la encontramos, para variar, os amigos!

Um deles, o Bina, ao ver o Fábio logo soltou esta frase que achei fantástica e realmente eh isso! Comparando com outros pais na fase pré nascimento ele esta bastante .. hum ... uma mistura de empolgacao e ansiedade! A cabeça dele deve estar uma confusão de sensações novas. Eh! Porque afinal, somos nos que sentimos tudo, as mães. Geralmente, os pais ficam um tempo no limbo, sem saber como agir com aquilo tudo que ele mesmo não esta sentindo.

Maluco isso!!

Super Egg

Viagem de passagem de fase



Olas, resolvemos em algum momento durante nossa gravidez fazer uma viagem de passagem de fase da vida, de casal sem filhos para casal com filhos.

Lógico, tudo sempre em nossa vida tem de ter uma pitada de glamour, de boa vida, uma versão romântica do caos em que vivemos!

A cidade escolhida, foi uma de nossas preferidas, Buenos Aires!

Cada vez que vamos para la, a vontade de voltar aumenta!!Ate ja escolhemos o bairro de Palermo para morar, em algum momento de nossa vida!!

Então, pegamos um final de semana prolongado e fomos. Doidos (Lógico, com aprovação da medica).

Mensagem para Gael (quando ele souber ler): "Gael, meu filho, se algum dia voce tiver algum problema com voos, acredito que deva ser por causa desta viagem. Explico porque, você não gostou de decolar nem de pousar, como você se mexeu nestes momentos, e o barulho do avião, acho que você pode ter pesadelos com ele durante algum tempo, pois, me colocando no seu lugar, pequenino, la no útero, protegidinho, inocente, pode ser que venha traduzir isso a rugidos de monstros. Bem, vamos ficar atentos, ok?!"

Super Egg